Mendoza é uma cidade pertencente à região de Cuyo na Argentina. É uma bela cidade que fica próxima a Cordilheira dos Andes e é famosa por suas vinícolas que importam excelentes vinhos para o mundo inteiro. Grande parte da sua paisagem é composta por imensas plantações de uvas, Mendoza se orgulha de ser a capital mundial do Malbec.

Fotos de Mendoza!!!

Visitando as Vinícolas

Na argentina as vinícolas são conhecidas por budegas. Ao visitar Mendoza é possível fazer passeios para conhecer as bodegas e degustar os vinhos produzidos por elas. Pra quem gosta de apreciar um bom vinho, ir pra Mendoza é quase que uma obrigação, porém até pra quem não gosta de vinho é um passeio que eu recomendo, mesmo porque quem não gosta vai acabar gostando (pelo menos um pouquinho).

O modo com que você vai passear pelas bodegas vai depender muito da sua disposição. Você pode fazer um tour  tanto de carro como de bicicleta, e nesses passeios você poderá visitar uma ou mais budegas, dependendo da sua disposição e também da sua força alcólica (rs..).

Quando fui para Mendoza, segui a recomendação da atendente do hostel que fiquei (Jaque Mate Hostel) e fiz um tour de bike junto com a minha namorada, foi bem divertido. Alugamos as bicicletas no Mr. Hugo Bike, o Hugo é um cara muito legal!

Por se tratar de uma cidade plana é fácil percorrer as vinícolas de bicicleta, nosso tour foi pela região de Maipu, onde visitamos algumas bodegas, fomos ao museu do vinho e fomos a um local que produz azeite de oliva de excelente qualidade e sabor. Nesses locais você pode fazer a degustação e também comprar produtos.

Um ponto que vale ser ressaltado é que para visitar as budegas deve ser feito um agendamento, por isso, escolha as vinícolas que quer visitar e peça pra o atendente do seu hotel fazer a reserva pra você. Recomendo que visitem a budega “la rural”, também conhecida como o museo del viño, recomendo também a linda bodega Trapiche e recomendo que vão degustar os azeites da “Entre Olivos”.




Na Cidade

Para se hospedar em Mendoza sugiro que escolham a região próxima à rua Villanueva Aristides, é uma região bonita cheia de bares e restaurantes, as noites lá costumam bombar, é bem legal. Além disso Mendoza é um lugar barato para comer.

Outro ponto que recomendo é passear pela avenida San Martin, é o centro de compras de Mendoza com diversas lojas, casa de câmbio, cassinos, entre outras coisas. Recomendo que tomem soverte em uma sorveteria chamada Bianco & Nero, é muito bom.

Por fim, o passeio que recomendo é a ida ao parque provincial do Aconcágua, para ver a montanha mais alta da América e a famosa ponte Inca o parque pertencente a província de Mendoza, não é um passeio próximo a cidade, são aproximadamente 150km até lá, você pode contratar um remi para fazer esse passeio, o custo é aproximadamente U$150 e pode ser dividido em até 4 pessoas. Maiores informações sobre o parque provincial do Aconcágua eu falo na publicação sobre a travessia dos Andes. Lá é muito bonito, mas adianto, se for no inverno é muito frio, peguei temperatura de 8ºc negativos e uma bela nevasca, vá preparado.

 

Dicas apresentadas nesse post:

  1. Solicitar antecipadamente sua visita nas bodegas.
  2. Hospede-se na região da Rua Villanueva Aristides.

 

Locais citados nesse post:

  1. Mr. Hugo Bake
  2. Museo Del Viño (Museu do Vinho)
  3. Bodega La Rural
  4. Entre Olivos
  5. Budega Trapiche

 

Atividades citadas nesse post:

  1. Tour do vinho nas budegas de Maipu.
  2. Passeio pela Avenida San Martin.
  3. Tomar sorvete na Bianco & Nero.
  4. Passeio ao parque provincial do Aconcágua.
  5. Ponte Inca

 

É isso aí galera, caso o seu próximo destino seja Mendoza, espero ter ajudado, caso esteja procurando um destino, eu recomendo.

Caso tenham alguma dúvida ou curiosidade é só perguntar. Quem já foi pra Mendoza e tiver experiências para compartilhar, é só comentar.

Abração

Thiago Gênova

8 thoughts on “Mendoza a capital do vinho

  1. Thiago,
    O blog está bem interessante….As dicas dos passeios pelas vinícolas são bastante úteis, deu até vontade de tomar um vinho agora..hahaha
    Outra observação é que, a cidade parece ser muito hospitaleira. Quando eu tiver oportunidade, vou visita-la.
    Abraços
    Fred

  2. Gostei muito das dicas,

    Estou com planos de passar minhas férias de Janeiro de 2015 em Mendoza, mas em termos de moeda, la gasta mais em dólar ou peso? Ou pode usar os dois tranquilamente?

    Obrigado

  3. Muito Obrigado pelas dicas!!! Boas demais
    Esteve em Mendoza com minha mulher faz pouco tempo atrás, a dicas deste blog foram de
    muita ajuda para min . Antes da chegada a Mendoza fizemos a contratação de uma
    agencia de viagem chamada Mendoza Holidays elem arrumaram um roteiro bem diverso e
    interessante, agradeço muito a colaboração deles, deixo o contato deles
    http://www.mendozaholidays.com .
    Conhecimos a região de vinhos de Maipu visitando as vinícola Trapiche e Zuccardi alem de
    uma olivícola .Fizemos também o passeio da alta Montanha estava lotado de neve!! Uma
    maravilha as paisagens, Ponte do Inca um lugar inesquecível.
    A cidade e tão linda que faz um convite para voltar sempre.
    Obrigado a todas as pessoas que uma ou outra forma ajudou em nossa viagem

  4. Boa tarde gente linda! Parabéns por este blog foi de muita ajuda na minha viagem, voltei de Mendoza faz alguns dias.
    Fiz uma contratação com agencia Mendoza Holidays, eles ofereceram opções de passeios em privativo e em grupo, com meu namorado pegamos dois passeios em grupo pelo custo, e adoramos fizemos um passeio em bicicleta pelos vinhedos e foi divertido demais!
    Conhecimos as vinícolas Kaiken, Sin Fin, e Nieto Senetiner. Alem disto fizemos o tour das montanhas as paisagens são incrível.
    Deixo o contato da pessoa que deu atendimento na agencia Raquel tours@mendozaholidays.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *