Olá pessoal, esse post é dedicado para quem quer visitar Paris, independentemente do tempo de permanecia. Paris é uma cidade belíssima e magnifica. Sendo possível você apreciá-la em apenas um dia (de muita correria), ou desfrutar calmamente ao longo de uma demorada estadia.

Fiz uma trip com minha namorada de 9 dias pela Europa, onde visitamos Paris – França (4 dias), Estocolmo – Suécia (4dias) e Madrid – Espanha (1 dia) aproveitando a conexão.

Vale ressaltar que fizemos a viagem em agosto, quando é verão na Europa, e o dia tem quase 20 horas de sol, o que é muito bom para fazer os passeios.

Chagamos em Paris depois de retornar da Suécia, logo que desembarcamos compramos um ticket de transporte para 3 dias, que permitia que visitássemos as 5 zonas da cidade apenas com o bilhete, incluindo a ida para o aeroporto no dia de ir embora. Esse bilhete custa $50 euros, por pessoa, mas compensa comprá-lo. O metro apesar de feio (comparado aos de São Paulo) funciona bem. Taxí é muito caro na cidade.  O bilhete das 5 zonas é o mais caro, pois ele permite utilizar diversos transportes, incluindo metrô, trens e ônibus.

Fotos de Paris!!!

1º dia

Chegamos na cidade já no período da tarde, deixamos as malas no hotel e fomos visitar a Basílica de Sacré Cœur, lindo lugar, lá pela região da basílica fizemos compras de alguns suvenires, vale a pena pelo preço.

Depois fomos jantar, e já que vou falar em comida já adianto, comer na Europa em geral é bem carinho. Comemos um prato, que não me recordo o nome, mas é a base de ovo, presunto e queijo, de sobremesa mandamos um delicioso crepe de Nutella, aliás, uma boa pedida para quem vai para Paris é o famoso crepe, tem crepe em todo lugar, nem sempre barato, quase sempre doce, mas em geral uma delícia.

Após encher a pança fomos ao Montparnasse, é um prédio de 200 metro de altura onde é possível avistar em 360º toda a cidade de Paris, chegamdo lá por volta das 9:30h da noite e estava começando a escurecer, vimos a cidade acendendo, junto com a torre, lindo demais. Depois voltamos para o hotel, que era próximo ao Mont.

2º dia

No dia seguinte acordamos e aí foi que a coisa pegou, o dia foi bem proveitoso, planejamos de ir no museu do Louvre, e depois almoçar e ir na catedral de Notre Dame. Porém desviamos um pouco do plano.

Ao contrário do que imaginamos não perdemos muito tempo com as filas no Louvre, entramos rápido, vimos as artes que queríamos ver e já saímos, o museu disponibiliza um excelente guia de bolso tem para todas as línguas. Munido do guia fomos bem práticos na visita.

Saímos de lá e fomos andar pelo jardim das Tulieres, como é pertinho, de lá fomos para as margens do Sena procurar um local para comer, porém foi aí que mudamos um pouco nossos planos, pois encontramos um bicicletário excelente serviço oferecido pela cidade, parece difícil alugar as bikes mas não é, você utiliza o cartão de crédito, não é caro e você pode devolver em qualquer lugar.

Decidimos andar um pouco de bicicleta nas margens do rio para encontrar um lugar para comer, foi muito legal a experiência, porém quando percebemos estávamos na torre Eiffel, não era parte dos nossos planos visitar a torre neste dia, porém, quando chegamos lá devolvemos as bicicletas e ficamos apreciando a torre. Bem próximo da torre ainda nas margens do Sena, existe uma espécie de food truck, almoçamos por lá.

Saindo de lá pegamos o metro e fomos para a catedral de Notre Dame, visitamos a igreja e depois fomos para a ponte dos cadeados, onde colocamos nosso cadeado, sim, a ponte ainda existe e sempre vai existir. Aos casais apaixonados tem muitos vendedores de cadeado na própria ponte. Mas recomendo que comprem em outro lugar, devido ao preço, quase todas as lojinhas vendem cadeado, existem vendedores que emprestam a caneta (projetor) para escrever no cadeado, cobram um Euro só para “emprestar”.

Saímos de lá e voltamos para o hotel, tomar um banho e se preparar para a “noite”, isso era por volta das 7 da noite, porém como o sol só se pões as 22:30h no verão ainda tínhamos muito tempo, então fomos para o arco do triunfo, tiramos muitas fotos e depois fomos jantar na Champs Elysees, gastamos uma graninha considerável para jantar por lá, mas valeu à pena. Depois voltamos para o hotel e fomos dormir, dessa forma um dia bem corrido, porém bem proveitoso acabou. Curiosidade, nesse dia o pedômetro do meu celular contou 35000 passos, o que equivale a mais de 30km de caminhadas.




3º dia

Fomos ao Palácio de Versalhes, que é um passeio para o dia inteiro, confira os detalhes no post exclusivo de Versalhes.

Depois que voltamos de Versalhes demos uma passada no hotel, saímos e fomos em um mercado, comprarmos umas coisinhas e fomos no Champs Mars. Fizemos um Piquenique (farofada), ao pôr-do-sol, no pé da Torre Eiffel, ai foram várias fotos tops vendo a cidade escurecendo. Depois voltamos para o hotel.

4º dia

Somente arrumar as malas e zarpar.

Paris

Flickr Album Gallery Powered By: Weblizar

Dicas apresentadas nesse post:

  1. Ir no verão e aproveitar s horas a mais de sol.
  2. Comprar ticket de metrô por período e zonas que serão visitadas

Locais citados nesse post:

  1. Basílica de Sacré Cœur.
  2. Mirante Montparnasse.
  3. Museu do Louvre.
  4. Jardim das Tulieres.
  5. Catedral de Notre Dame.
  6. Ponte dos Cadeados – Notre Dame.
  7. Palácio de Versalhes.
  8. Champs Elysees.
  9. Champs Mars.
  10. Torre Eiffel.
  11. Arco do Triunfo.

Atividades citadas nesse post:

  1. Alugar bike e dar uma volta nas margens do Sena.
  2. Comer crepe de Nutella.
  3. Piquenique ao pé da torre.
  4. Jantar e andar pela Champs Elysees.
  5. Comer nos food trucks as margens do Sena.

É isso aí galera, caso o seu próximo destino seja a Europa, França e Paris, espero ter ajudado, caso esteja procurando um destino, eu recomendo a cidade luz. Quem já foi pra Paris e tiver experiências para compartilhar, é só comentar.

Caso tenham alguma dúvida ou curiosidade é só perguntar.

Abração

Thiago Gênova

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *